Durante o primeiro trimestre de 2022, a economia portuguesa registrou uma forte aceleração em sua recuperação econômica, com o PIB mostrando uma taxa de variação homóloga de 11,86%. No mercado de trabalho, a taxa de desemprego caiu para 5,77%, enquanto a taxa de crescimento anual do emprego aumentou em relação ao trimestre anterior para 4,43%. O euro se depreciou em relação ao dólar americano a uma taxa de câmbio de 1,12 $/€. Por último, a inflação foi de 4,97%, depois de ter aumentado em relação ao trimestre anterior.


Macroeconomic outlook report: Portugal 1Q22

Watch video

Resumo macroeconômico

  • Durante o primeiro trimestre do ano, a economia portuguesa acelerou a taxa de crescimento em relação ao trimestre anterior, aumentando em 6,05 p.p. a taxa de variação do PIB atingindo 11,86%. A consolidação da recuperação econômica neste período foi impulsionada pelo notável crescimento da demanda interna, especialmente do consumo privado e das exportações.
  • Em relação ao mercado de trabalho, a taxa de desemprego em Portugal foi de 5,77% no 1T22, 0,43 p.p. inferior à do trimestre anterior. Quanto ao ritmo de criação de empregos, aumentou 2,55 p.p. registrando um crescimento de 4,43% em relação ao ano anterior.
  • Durante o primeiro trimestre de 2022, o euro depreciou-se em relação ao dólar em comparação com o trimestre anterior. A taxa de câmbio média foi de 1,12 $/€, depois de ter diminuído em 0,02 US$ por euro.
  • A inflação em Portugal aumentou em 2,56 p.p. no primeiro trimestre de 2022 para 4,97%.

Para mais informações, acesse o documento executivo em PDF clicando aqui (também disponível em Espanhol).